Aprimorando Lideranças com efetividade e sustentabilidade

 In Liderança em Segurança

 De acordo com o consultor da M&M Tecnologia Comportamental, José Luíz Fódra, no texto “Onde estão nossos líderes?em um ambiente de alta demanda, grande exigência e poucos recursos disponíveis, geralmente, a equipe procura por uma liderança que a oriente e auxilie, mas, muitas vezes, acabamos não encontrando-a: “de repente você olha em volta e não encontra as lideranças… Onde estão os líderes? Correndo atrás de números e indicadores, elaborando relatórios, prestando conta para superiores, participando de reuniões gerenciais. E quem está acompanhando a operação? Temos encontrado equipes “abandonadas”, com líderes distantes ou mesmo ausentes.”, comentou no texto mencionado.

Estudos de campo demonstram que os líderes mais eficazes são aqueles que preparam e fornecem os recursos para a tarefa antes, acompanham a realização durante a execução e praticam uma política de consequências adequada, com ênfase para o “feedback” positivo, logo depois de seu acompanhamento. E não é difícil encontrar equipes em estruturas matriciais, que a cada turno ou processo respondem a um “chefe” diferente. Tudo muito moderno e competitivo, na prática perdendo o referencial e aprendendo a reagir conforme o perfil do “líder” da vez.

Portanto, pensando em evitar casos de desalinhamento em relação aos valores organizacionais e comportamentos requeridos, o caos em gestão do comportamento e adquirir lideranças mais eficazes, que no mês passado a M&M foi chamada pela empresa FMC Agricultural Products (Uberaba – MG) para que pudessem: formar novos observadores, melhorar a qualidade de seus líderes e apresentar os resultados de uma avaliação feita em cima de lideranças em segurança.

Ou seja, a FMC pretendia aprimorar o desempenho de suas lideranças, no sentido de torná-las mais efetivas e sustentáveis, tanto para a segurança quanto para o processo. Essa necessidade de mudanças e de uma orientação especializada, vinda da M&M Tecnologia Comportamental, surgiu baseada em comportamentos que serviram como alerta para a necessidade de fortalecer os vínculos entre líder e liderados, melhorando a comunicação e elevando o nível de confiança mútua, bem como de estimular e treinar esta liderança para proporcionar feedbacks eficazes e promover ações de reconhecimento para equipes.

Assim sendo, a M&M implantou um programa sustentável de “Liderança Efetiva”, aprimorando o desempenho dos líderes e gestores para que se atingissem os resultados desejados pela organização na gestão do comportamento seguro e do processo. Segundo o consultor Carlos Massera, “o comportamento humano no trabalho pode ser gerenciado a partir da gestão de variáveis “ambientais” que configuram tanto consequências positivas como negativas aos comportamentos das pessoas dentro da organização“, portanto, para uma equipe de trabalho, essa seria a fonte mais imediata e mais efetiva de liberação destas consequências é o seu gestor direto.

“A implantação desse processo é realizada em duas fases, nas quais estas três forças são trabalhadas e desenvolvidas, além de integradas ao ferramental para a gestão de comportamento.”, explicou Massera a respeito do trabalho que foi desenvolvido na FMC. E seguindo por esta linha, os consultores da M&M Tecnologia Comportamental realizaram na empresa de Uberaba uma completa Avaliação de Liderança.

Tal avaliação contou com workshops, acompanhamentos presenciais e via web; entrevistas padronizadas com funcionários (operacionais e staff); verificação da estrutura do programa comportamental existente identificando (a partir do ponto de vista da Tecnologia de Gestão de Desempenho / Behavior Based Safety); identificação dos aspectos positivos e das oportunidades. Além do mais, a M&M fez um levantamento do Perfil Comportamental de cada Líder, de um Relatório Global, de recomendações e de Plano de Ação Global para a empresa.

Para o funcionário da FMC Antônio Maurício Maeloso, o treinamento oferecido pelo consultor Massera foi extremamente produtivo, “ele nos trouxe experiências e possibilidades. Nos deu ferramentas para melhorar nossas lideranças e nos ajudou a perceber que, embora tenhamos visões diferentes, todos nós trabalhamos para um bem maior, vivemos em equipe e realmente queremos melhorar cada vez mais.”, revelou Maeloso.

Tanto para Massera quanto para Fódra, essa experiência com a FMC de Uberaba deixou evidente, mais uma vez, que a Presença do Líder junto à sua equipe é fundamental para a efetividade de uma liderança. “E esta presença deve ser estrategicamente planejada para garantir as orientações seguras e os recursos necessários, estar por perto nos momentos críticos da operação e fornecer o “feedback” eficaz e ao acompanhar a realização da tarefa, o líder tem a possibilidade de saber o “como” a tarefa foi realizada.”, complementou José Luíz Fódra.

E ainda segundo nossos consultores, muitos líderes cometem o erro, até pelo distanciamento, de reconhecer e premiar apenas resultados sem olhar para o processo. De um lado, correm o risco de reforçar e incentivar comportamentos de riscos e práticas inseguras utilizadas para se atingirem altos índices de produtividade. Por outro lado, deixam de reconhecer e reforçar esforços legítimos que, por motivos diversos, não se converteram nos resultados operacionais desejados. Este tipo de reação do líder leva muitas vezes à equipe ao sentimento de que não adianta se esforçar, porque ninguém vê. Portanto, a atitude da FMC de procurar uma orientação e um trabalho especializados para aprimorar as lideranças da empresa, tornando-as ainda mais efetivas e sustentáveis, foi madura e muito acertada, pois assim, foi possível melhorar a qualidade de vida e de produtividade, além de promover o comportamento seguro dentro da corporação.

Artigos Recentes
para motivar